Vitor Hugo demonstra força e tem nome cotado para prefeito de Goiânia e Anápolis

Vitor Hugo demonstra força e tem nome cotado para prefeito de Goiânia e Anápolis

Getting your Trinity Audio player ready...

De um lado, em levantamento divulgado pelo Instituto Paraná Pesquisas acerca da intenção de votos para prefeito de Goiânia, o Major Vitor Hugo aparece em terceiro lugar, com 12,6%, e à frente de Rogério Cruz (7,9%), Ana Paula Rezende (3,9%) e Romário Policarpo (3,2%), por exemplo. Perde apenas, nesse momento, para o senador Vanderlan (25,8%) e a deputada delegada Adriana Accorsi (18,9%).

De outro, o Mais Goiás divulgou também os números de Anápolis. Nela, Vitor Hugo aparece empatado tecnicamente com Márcio Correia e Amilton Filho na segunda posição, todos com aproximadamente 10%. Perderia hoje para o ex-prefeito e atualmente deputado estadual Antônio Gomide, que desponta com mais de 35% de intenção de votos, porém contando também com mais de 30% de rejeição.

Ocorre que Vitor Hugo não se disse pré-candidato a nenhum dos dois cargos ainda. Não se sabe, hoje, qual a estratégia do major, político e advogado, Vitor Hugo, para os próximos anos. O que teria feito, então, seu nome aparecer tão bem em ambos os casos?

A verdade é que um grupo novo foi formado em Goiás com a eleição no ano passado. A candidatura de Vitor Hugo ao governo, que recebeu mais de meio milhão de votos em todo o Estado, foi muito vantajosa para o Partido Liberal (PL) de Jair Bolsonaro em Goiás: saiu de 180 mil votos em 2018 e uma deputada federal para, em 2022, mais de 2 milhões de votos e um senador (Wilder Morais), quatro deputados federais (Gayer, Mofato, Alcides e Agrobom) e três deputados estaduais (Prado, Araújo e Martins). Políticos consolidados como Vanderlan Cardoso e sua esposa Isaura, ou novos, como Gustavo Gayer e Fred Rodrigues, se uniram em torno da campanha do Major Vitor Hugo ao governo em 2022 e isso lhe rendeu votos em todas as cidades goianas, com destaque para Cristalina, Jataí, Chapadão do Céu, por exemplo, onde obteve quase 40% dos votos, e obviamente nas metrópoles de Goiânia e Anápolis, em que conseguiu respectivamente quase 120 mil e quase 50 mil votos. O fato de ter trazido mais de 300 milhões de reais em emendas para aproximadamente 200 municípios goianos também lhe rendeu capilaridade que ainda se fortalece com as entregas semanais que tem feito em diversas cidades, como as que fará na semana que vem, na manhã de terça, em que contemplará Serranópolis, Ouro Verde e Petrolina com caminhões-pipa oriundos da Codevasf. Esses fatos têm se refletido agora nas pesquisas, mesmo quase um ano depois do pleito eleitoral de 2022 e após um período de discrição política do Major evidenciado no início de 2023.

Os números deixam claro que Vitor Hugo é um player importante para 2024, em Goiânia e Anápolis, em especial. Como sabemos serem as eleições municipais as bases para 2026, ficam as perguntas: havendo duas vagas para o Senado em 2026, Vitor Hugo é um dos aspirantes ao cargo? Vai encarar Daniel Vilela na sucessão ao governo? Vai se lançar candidato a algo no ano que vem? Onde? A que cargo? O tempo dirá. O certo é que o Major já demonstrou coragem ao enfrentar eleitoralmente o “leão do cerrado”, em sua reeleição, e o “menino de Aparecida”, em seu melhor momento na carreira. Não existe, assim, desafio político a ser encarado pelo Major em Goiás que nos surpreenda. Que venham as cenas dos próximos capítulos.

Fonte: Assessoria do Major Vitor Hugo

Compartilhar isto:

portalentorno

    O seu portal de notícias e entretenimento! Não utilizamos leis de incentivo ou qualquer forma de financiamento com dinheiro público. Para informar qualquer erro ou sugestões para o nosso portal, por favor entre em contato conosco através do email portalentornodf@gmail.com