quinta-feira, maio 30, 2024
A Justiça ainda ampliou a multa aplicada ao Telegram por não entregar os dados de R$ 100 mil para R$ 1 milhão por dia de recusa em fornecer os dados / Marcello Casal Jr Agência Brasil
TecnologiaUtilidade Pública

Justiça determina suspensão imediata do Telegram no Brasil

Getting your Trinity Audio player ready...

Plataforma não entregou à PF todos os dados pedidos sobre grupos neonazistas, e Justiça determinou a retirada do app do ar

O Telegram não entregou à Polícia Federal todos os dados sobre grupos neonazistas da plataforma pedidos pela corporação e, por isso, a Justiça determinou que as operadoras de telefonia e lojas de aplicativo retirem o aplicativo do ar de forma imediata.

De acordo com a Diretoria de Inteligência da Polícia Federal, as empresas de telefonia Vivo, Claro, Tim e Oi e o Google a Apple vão receber o ofício sobre a suspensão do Telegram ainda na tarde desta quarta-feira (26).

Conforme informações do portal “G1”, o Telegram chegou a entregar parte dos dados pedidos pela PF na sexta-feira (21), após a pedir uma intervenção do judiciário.

A corporação, contudo, quer contatos e dados dos integrantes e administradores de um grupo com conteúdo neonazista, e o Telegram não forneceu os números de telefone.

A Justiça ainda ampliou a multa aplicada ao Telegram por não entregar os dados de R$ 100 mil para R$ 1 milhão por dia de recusa em fornecer os dados.

FONTE: https://www.gazetasp.com.br/brasil/justica-determina-suspensao-imediata-do-telegram-no-brasil/1123448/

Compartilhar isto:

portalentorno

    O seu portal de notícias e entretenimento! Não utilizamos leis de incentivo ou qualquer forma de financiamento com dinheiro público. Para informar qualquer erro ou sugestões para o nosso portal, por favor entre em contato conosco através do email portalentornodf@gmail.com