Deputado Vitor Hugo é classificado como um dos “cabeças” do Congresso Nacional

“pode zoar”, diz o Deputado Federal Vitor Hugo após ser classificado como um dos “cabeças” do Congresso Nacional

Pela terceira vez consecutiva, e em seu primeiro mandato, o atual líder do Partido Social Liberal (PSL) na Câmara e Deputado Federal eleito por Goiás, Vitor Hugo, está entre os “cabeças” do Congresso Nacional, segundo pesquisa e classificação feitas pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP). Anualmente, o DIAP  mapeia os 100 parlamentares mais influentes do Congresso, entre 594 deputados federais e senadores, com base na atuação política de cada parlamentar.

Homem de confiança do Presidente Jair Messias Bolsonaro, o Deputado Federal Major Vitor Hugo faz parte desse seleto grupo dos “cabeças” do Congresso Nacional e apareceu na classificação em todos os três anos de mandato.

Em seu primeiro mandato, Vitor Hugo assumiu a Liderança do Governo no início da legislatura e atuou decisivamente para a aprovação de pautas importantes para os brasileiros, como o aprovação do Auxílio Emergencial, onde seu papel foi decisivo para fixar o valor em R$600,00. Em 2021, assumiu a Liderança do PSL, o maior partido de direita da Câmara, com 53 deputados, trazendo a legenda de volta para a base do Governo Bolsonaro.

“Eu estou muito feliz por ter recebido a publicação dos “cabeças” do Congresso Nacional de 2021, que me coloca mais uma vez como parte desse grupo”, o deputado comemorou em suas redes sociais e também explicou “eu sei que vocês vão rir por causa do negócio do “cabeção”, mas aqui “cabeça” significa estar entre os 100 parlamentares mais influentes de 594 deputados e senadores que nós temos no Brasil”.

Deputado Federal Major Vitor Hugo
Compartilhar isto:

portalentorno

    O seu portal de notícias e entretenimento! Não utilizamos leis de incentivo ou qualquer forma de financiamento com dinheiro público. Para informar qualquer erro ou sugestões para o nosso portal, por favor entre em contato conosco através do email [email protected]