(Foto - Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Governo Federal fecha o cerco ao crime organizado e mira combate ao tráfico de drogas em todo o país

Coordenada pelo Governo Federal, por meio da Seopi, a Operação Narco Brasil se iniciou, nesta segunda-feira (27/06), com atuação integrada da PRF, Secretarias de Segurança Pública e Polícias Civis e Militares

Teve início, nesta segunda-feira (27/06), a segunda edição da Operação Narco Brasil de combate ao tráfico de drogas e incineração de entorpecentes. Coordenada pela Secretaria de Operações Integradas (Seopi), do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), a operação é uma parceria com a Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) em alusão ao Dia Internacional contra o Abuso e Tráfico Ilícito de Drogas, comemorado em 26 de junho.

As ações de fiscalização, repressão e monitoramento ocorrem em todos os estados e no Distrito Federal com a integração da Polícia Rodoviária Federal, Secretarias de Segurança Pública e Polícias Civis e Militares.

Dados

Teve início, nesta segunda-feira (27/06), a segunda edição da Operação Narco Brasil de combate ao tráfico de drogas e incineração de entorpecentes. Coordenada pela Secretaria de Operações Integradas (Seopi), do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), a operação é uma parceria com a Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) em alusão ao Dia Internacional contra o Abuso e Tráfico Ilícito de Drogas, comemorado em 26 de junho.

As ações de fiscalização, repressão e monitoramento ocorrem em todos os estados e no Distrito Federal com a integração da Polícia Rodoviária Federal, Secretarias de Segurança Pública e Polícias Civis e Militares.

Balanço

Na edição de 2021, a Narco Brasil alcançou em torno de 3,7 mil municípios com um efetivo de 74,7 mil policiais e apreensão de 133 mil quilos de drogas: cocaína (12,1 mil kg), crack (7 mil kg), haxixe (75 kg), maconha (88,2 mil kg), skank (3 mil kg) e drogas sintéticas (22,5 mil kg). Quanto a insumos para a fabricação de drogas foram apreendidos 495 kg. O total de drogas incineradas foi de 272.895 kg.

A operação também resultou na prisão de 9.152 pessoas e apreensão de armas (3.052), munições (22.021), veículos (3.296), 115,7 mil em moeda estrangeira, R$ 4,4 milhões e 876 menores apreendidos.

Também foram cumpridos 3.375 mandados de busca e apreensão domiciliar, 110 mandados de busca e apreensão de menor infrator e 2.249 mandados de prisão.

Com informações do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Compartilhar isto:

portalentorno

    O seu portal de notícias e entretenimento! Não utilizamos leis de incentivo ou qualquer forma de financiamento com dinheiro público. Para informar qualquer erro ou sugestões para o nosso portal, por favor entre em contato conosco através do email [email protected]