Wilder Morais - Sabatina FIEG

“Sei das angústias de ser empreendedor neste País”, diz Wilder Morais em sabatina

Getting your Trinity Audio player ready...

Sabatina Senadores Eleições 2022 - Wilder Morais

Quarto dos oito senadoriáveis ouvidos na sabatina promovida pela Fieg e Fecomércio-GO, Wilder Morais, do Partido Liberal, disse sentir-se à vontade em estar no meio do empresariado, do qual ele também faz parte, ao fazer referência ao público presente, na Casa da Indústria. “Sei das dificuldades, angústias e anseios de ser um empreendedor neste País. Quem vai gerar emprego e renda é quem está aqui, somos nós da indústria, do serviço, do turismo, do agro, do comércio e também da mineração”. 

Logo diante da primeira pergunta, sobre modernização da legislação trabalhista, Wilder Morais disse que ainda há muito a ser regulamentado, com avanços que impactem na redução do Custo Brasil. Já sobre a reforma administrativa, para o agora candidato, que já exerceu mandato de senador, já passou da hora. “Precisamos fazer um revogaço de tanto excesso de leis. Desde que eu me entendo por gente, o Sandro Mabel brigava pela reforma administrativa. Se eu chegar no Senado, tenho muitas ideias para fazer o País ter condições de crescer muito mais.”   

Wilder Morais defendeu parceria com o Sistema S. “Se temos indústria no Estado de Goiás, é porque o Sistema S esteve presente. Eu sou de Taquaral e a minha cidade é um exemplo de que o Sistema S fez a diferença, ajudando na formação de mão de obra e a se desenvolver. O Sistema S é algo que deu certo, que aconteceu fora do comando do governo, controlado pela iniciativa privada, então não vamos mexer em uma coisa que tem dado resultado”, reiterou.  Para o postulante, um grande gargalo do País hoje é o fornecimento de energia, área em que disse ter vários projetos para conseguir reduzir os custos e melhorar a qualidade dos serviços. 

Sobre infraestrutura, Wilder disse que, enquanto esteve no Senado Federal, conseguiu verbas para a melhorar as condições nessa área em Goiás. Porém, segundo ele, os recursos foram perdidos por governantes à época. “Se não tivermos infraestrutura com ferrovias, rodovias para escoar produção, não vamos ter competitividade. A minha primeira discussão, se eleito, será a construção de rodovias, infraestrutura”, prometeu.   

O candidato foi questionado sobre fundos constitucionais e políticas de incentivos fiscais. “O nosso Estado, pela posição geográfica, precisa fornecer incentivos para as indústrias se instalarem aqui. O incentivo dá mais competitividade para as empresas. E especificamente no caso do FCO nós vamos continuar lutando para que seja ampliado”.   

Wilder Morais enfatizou que não há mais espaço para aumentar impostos e carga tributária em nenhum setor. “O setor produtivo está perdendo a competitividade. Nós mandamos nosso minério para fora e não geramos riquezas em nosso Estado. Não vou deixar que isso permaneça assim.” 

Para rever a sabatina e acompanhar os demais candidatos, acesse o canal Youtube do Sistema Fieg, pelo Instagram e pelo Facebook da Federação. 

FONTE: Federação das Indústrias do Estado de Goiás

Compartilhar isto:

portalentorno

    O seu portal de notícias e entretenimento! Não utilizamos leis de incentivo ou qualquer forma de financiamento com dinheiro público. Para informar qualquer erro ou sugestões para o nosso portal, por favor entre em contato conosco através do email portalentornodf@gmail.com